segunda-feira, fevereiro 20, 2006

"Feel so Bad"... Valentine...


Talvez o fim tenha chegado...
Nada como sermos nós a escolher a altura certa...
Será que escolhemos?
Ou será a vida que nos obriga?
Talvez o fim... Veremos...

Beijinhos doces da vossa amante...

16 comentários:

Anónimo disse...

Será que posso perguntar: Why do you feel so bad?
Quero voltar a ver-te sorrir =)Beijos

daalgempaKu disse...

Não queremos perder-te...

Anónimo disse...

Honestamente não entendo como crias-te um santuario a um homem que de "santo" não deve ter nada?
Se o meu amor não fosse correspondido eu ia odiar essa pessoa nunca criaria um blog para a louvar!
És uma pessoa estranha loirinha.
É por estas e por outras que não percebo as mulheres!

Delírio da Loirinha disse...

Caro Anonimo!
Quer-me parecer que temos conceitos diferentes sobre o AMOR!
Ninguem escolhe a pessoa que ama e ninguem tem culpa de não se apaixonar! A vida é assim... umas vezes amamos sem sermos correspondidos outras somos amados sem correponder...
Quando ambos estão em sintonia é uma felicidade imensa...
Mas o Amor tem que ser gratuito... gostamos de alguem e pronto!O Porque??? Ninguem sabe...
Quanto a este blog ser um santuario é verdade! Nos santuarios guardam-se coisas sagradas e para mim o Amor é sagrado (mesmo que não seja correspondido!)
Este é o meu ponto de vista...
Beijinhos doces

Å®t_Øf_£övë disse...

Loirinha,
Espero que a tua decisão de nos deixares seja a mais certa para ti. Caso, depois de alguma reflexão, resolvas voltar à blogosfera, já sabes que nós estaremos cá para te apoiar.
Tudo de bom para ti, e viva o AMOR.
Até um dia.
Bjs.

Wakewinha disse...

Gostava que o meu egoísmo se pudesse sobrepor e voltar a ter-te entre os meus blogs preferidos! Queres assumir e voltar? Dou-te o tempo que quiseres, mas vem... =)

Beijinho muito, muito, grande, e lembra-te, desaparecer nem sempre é a resposta*

Anónimo disse...

Volar Caer
Al fondo del dolor
Soñar Perder
Imperios de ilusion

Hoy no tengo nada,
Si no estas
Mi corazon se apaga

Isabel, si te va,
Tu dios se enfadara,
No dejes que este amor muera asi…
Llorare, lloraras, sufriendo en soledad,
tu vuelve a mi y yo te hare feliz..

Isabel…

Buscar Sentir
La gran pasion de amar
Tratar de huir
Ese tiempo que vendra
Escapando del pasado
Tu y yo
Siempre enamorados

Isabel si te vas, tu dios se enfadara
No dejes que este amor muera así
Llorare, lloraras, sufriendo en soledad,
tu vuelve a mi y yo te hare feliz

Isabel…

Hoy no tengo nada, si no estas,
mi corazon se apaga…

Isabel
Yo te amare

Isabel
Adonde iras sin mi
Yo no sabre vivir sin ti

Isabel
Si te vas
Tu dios se enfadara
No dejes que este amor
Muera asi

Llorare, lloraras, sufriendo en soledad
Vuelve a mi y yo te hare feliz
Isabel…

Peter Pan X disse...

Minha Querida Loirinha:
Espero ter interpretado bem o texto, pois não o entendi como sendo uma despedida tua da Blogosfera, mas sim um "fim" relacionado com uma relação, um amor, uma paixão...
Se fosse o teu abandono da Blogosfera não te deixaria partir sem "luta", pois já me habituei aqui aos teus textos e aos teus comentários (no meu Blog) que muito prezo e admiro.
Creio que nunca te disse, mas identifico-me em muitos dos teus textos e pensamentos.
Com a certeza de que te continuarei a ler, deixo-te aqui um beijinho muito doce, cara amiga bloguista e conterrânea!
Fica bem!
;-)
Sweet Kiss...

Marketeer disse...

Conhece a cidade alentejana de Vendas Novas?

Temos a sua História e Património em exposição na Geração VN.

Passe por lá!

isa xana disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
isa xana disse...

que final é esse que falas?

*

Anónimo disse...

oh Loirinha, tens que dar uma vista de olhos no:
www.amar-ela.blogspot.com

E olha que não estou a gozar, a malta anda toda doida com os conselhos da doutora Daniela Mann!

Peter Pan X disse...

DESAFIO - Querida Loirinha, estás convidada a participar num desafio que deixei no meu Blog.
Passa por lá e diz-me se alinhas.
Fica bem.
;-)
Beijinhos.

Diva disse...

Impossível n ficar a questionar-se com este desparecimento inesperado e brutal:(Sei k o amor tem destas coisas,tem o dom de ser o mais lindo sentimento mas também o mais misterioso e doloroso.Também passei pelas angústias de um amor não correspondido,amei gratuitamente recebendo apenas em troca o silêncio e a solidão mas como o amor não é uma ciência exacta fiquei nessa escuridão durante longos meses.Contudo,aprendi que a amizade é preciosa nesse momentos e que por vezes as palavras mais simples de um amigo,ditas com sinceridade,podem voltar a iluminar o nosso caminho tortuoso.Toda a vida tem as suas tempestades,temos é k saber deixar-nos guiar pelos faróis que vão aparecendo nas nossas vidas.Não te afastes daqueles que te querem realmente bem.E acima de tudo não deixes este cantinho onde imprimiste novas cores ao conceito de amor.Esperando por um regresso...beijokas 1000

Daniel Aladiah disse...

Querida Loirinha
Por onde andas?... e, no horizonte, continua o sol à espera de se pôr...
Um beijo
Daniel

Delírio da Loirinha disse...

Querido Daniel!
"Na solidão é quando estamos menos só…" (Lord Byron)

Miss you!