domingo, março 16, 2008

O segredo desvendado das carteiras de senhora!

Hoje pretendo revelar o segredo que algumas mulheres escondem dentro das suas carteiras.
Pois é! Vou revelar aquilo que os homens sempre desejaram saber mas nunca tiveram lata de perguntar! heheheheh .
Muitas vezes perguntam-me porque razão a minha carteira pesa CHUMBO e porque motivo nunca conseguem encontrar nada do que pretendem dentro dela.
A resposta é simples:
A carteira de uma mulher é mais do que um mero acessório de moda, ela é uma arma de arremesso e um kit de primeiros socorros. Só a dona da carteira encontra as coisas nos sitios certos! Só ela e mais ninguém!

Para mim a carteira é um acessório de moda indispensável. Eu ando sempre com a carteira a condizer com a roupa e com os sapatos. Sabem que sou vaidosa, por isso não há nada a fazer! Hehehehehe.... As minhas carteiras reflectem em tudo a minha personalidade. São geralmente muito malucas, e fora do vulgar sobretudo no verão que é quando a minha criatividade atinge o expoente máximo e quando ando com roupa a menos e com o diabo no corpo.

Além do mais a carteira é uma arma de defesa pessoal porque se alguém nos atacar podemos defender-nos com a carteira. Já viram dar com uma carteira cheia de tralha na cabeça de um ladrão? Fica logo estendido! Hehehehe!

A carteira transporta ainda um kit de primeiros socorros: para dores de cabeça, para emergências femininas, para quebras de açúcar, para pequenas feridas, para quando me cai uma lente de contacto, para quando estou constipada, para quando necessito de retocar a maquilhagem... Já diz o provérbio “Mulher prevenida vale por duas”...

Vejamos algumas coisas que eu transporto na minha carteira.
-Telemóvel
-GPS para nunca me perder quando saio de carro... Sou uma loira desorientada!
-Porta moedas com dinheiro e documentos.
-Chaves de casa, chaves do portão da garagem, chaves do carro cada qual com o seu respectivo porta-chaves colorido, uns dão luzes, outros dizem “I love you”, seja como for tudo o que é meu dá luz, apita ou tem musica...hehehehe...
-Lenços de papel para os momentos ranhosos,
-Toalhitas molhadas para o caso de precisar limpar nódoas na roupa ou sujidade nas mãos quando não há casa de banho perto.
-Bolsa necessaire para emergências que contem: lápis dos olhos, rímel, batom, blush, caixa de lentes de contacto, unidoses para lentes de contacto, soro fisiológico mini, pensos rápidos, tampões, corta-unhas, frasquinho de perfume, laca de cabelo em miniatura.
-Óculos de sol e respectiva caixa (uso de Inverno e de Verão)
-Rebuçados, bombons e chiclas para as quebras de tensão
-Fio dental para quando é impossível lavar os dentes
- Canetas que dão luzes e bloquinho de anotações
-Máquina fotográfica para os momentos “KODAC”
-Alguns comprimidos (aspirina, voltaren, kompensam,...)
-Guarda-chuva daqueles pequeninos para os dias de chuva

Acho que não me esqueci de nada...
Feitas as contas são cerca de kilo e meio de bagagem a pesar nos meus braços e a contribuir para os meus bíceps,....
Mas será que preciso realmente disto tudo? Sim e Não!
Quando ando com carteiras mais pequenas tenho que seleccionar o essencial, se a carteira é das grandes toca a encher. O mais caricato é quando deixo as coisas em casa é quando geralmente me fazem mais falta!
Quando estou com os amigos e alguém precisa de alguma coisa é sempre a mim que vêem perguntar:
“Por acaso não tens um corta unhas que acabei de quebrar uma e esta a fazer-me impressão?”, “por acaso não tens um bocadinho de blush que tou com a cara pálida?” “Amiga não tens rebuçados?”

Imaginem naqueles dias em que estamos com cara de quem caiu da cama e saiu directo para a rua e aparece o nosso principie encantado? Num minuto, batom, blush e um pouco de rímel e estamos com cara de quem acabou de sair dum concurso de beleza...

No cinema depois de comer pipocas com as mãos todas meladas de açúcar, as toalhitas são fundamentais para limpar as mãos. São ainda excelentes para limpar nódoas que nos caem na roupa.

Num congresso em Lisboa, e depois de uma noitada daquelas, um amigo meu que é médico estava cheio de dores de cabeça. Um médico, com dores de cabeça e sem nada para tomar! Quem é que tinha aspirina na carteira? QUEM?? QUEM??? EU!!!!!

Quando é preciso uma caneta é sempre a mim que me pedem. E porque é que eu uso canetas que dão luz? Porque se faltar a electricidade não fico no ESCURO!!!!!!! HHEHEHEHEHEHEHEHEH!!!!!!!!!!

PS- Música das PUSSY CAT DOLLS- Don't Cha...
Hoje estou demoniaca...

5 comentários:

Anónimo disse...

Um turbilhão de segredos envoltos numa névoa libertina, onde apenas um conto de fadas, bem tartamudeado ao ouvido, consegue desvendar os seus segredos e guiar-nos por entre os objectos representados no escudo de um universo alacre e sedento de sentimentos.

Destapado o véu, a tranquilidade e o amor reinarão, tal qual um fim-de-tarde agradavelmente sensaborão enquanto um sargo assa no braseiro, como diria o poeta.

Excalibur

Daniel Aladiah disse...

Querida Loirinha
E o tempo, senhora? Como quem diz, menina. Ter tudo e demorar uma eternidade a encontrá-la... ter de vazar a mala, dizendo o costume sobre o seu conteúdo :)
Usas guarda-chuva? Ora aí está uma novidade nos dias de hoje.
Um beijo
Daniel

Miguel disse...

A menina esqueceu-se do IPOD.
Essa carteira é um labirinto.
Beijo Kiduxa

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Ma disse...
Este comentário foi removido pelo autor.